[Licenciamento]: Como Funciona o Licenciamento para o Office 2016 e Office 365, Versões Domésticas.

img
jul
10

Texto escrito por Amido e revisado por Kuroi.

Sempre vejo pessoas querendo comprar ou obter licença do Office legitima para quando vai abrir seu negócio, ou vai ter que pegar para fazer faculdade e ela não fornece o software via Imagine (antigo Dreamspark) – mas falaremos da Imagine depois – entre vários motivos. Na maioria dos casos as pessoas são enganadas pelo vendedor e acabam levando uma copia pirata ou pior ainda, uma licença de volume não autorizada, e caso precise de suporte da Microsoft, você receberá um belo dedo do meio na cara.

Com intuito de passar minha experiência com produtos Microsoft, do qual já trabalhei com eles, faço uma breve listagem, de como saber se você está sendo enganado ou comprando algo licenciado para usuário final mesmo.

Doméstico

Vamos ao básico. As versões do Office são o que mais engana as pessoas leigas e acabam comprando pato por ganso, o Office para usuário final, existem 3 versões do software dividido em 2 categorias (se você não for empresa):

Categoria 1: Office 365, esse você paga mensal/semestral/anual e sempre que houver novas versões (não confunda nova versão com atualização e atualização de segurança), enquanto sua assinatura durar, você obterá todas as vantagens da categoria assinada

Versões desta Categoria:

  • Office 365 Home; e
  • Office 365 Personal.

Incluem o pacote doméstico completo:

  • Word;
  • Excel;
  • PowerPoint (matador de arvores!);
  • OneNote;
  • Outlook;
  • Publisher; e
  • Access

*Publisher e Access apenas PC, Mac Lovers não tem esses dois softwares.

Entre várias outras vantagens que podem variar para cada nova versão, região e país como também inclui espaço no OneDrive e minutos no Skype.

Categoria 2: Office 2016 (ou seja lá o ano que for e existir, quando você for ler isto) você terá uma chave de ativação, para usar em até 1 PC +1 VM (sobre VM pode variar, então sempre contatar a Microsoft para saber o direito de VM), terá o direito de atualizações normais e de segurança.

Versões desta Categoria: Office Home & Student 2016 para PC, são versões mais simples com Word, Excel, Power Point e OneNote.

E apenas isto, qualquer versão diferente destas, tenha certeza que você recebeu um produto não autorizado e/ou pirata e foi trouxa de pagar por isso.

Empresas

E se eu for empresa? Qual eu pego? Simples, tem opções empresariais, e aí está o pulo do gato de quem vende e engana as pessoas, temos as versões Office 365 para empresas:

  • Office 365 Business;
  • Office 365 Business Premium; e
  • Office 365 Business Essentials.

NÃO tem versão CNPJ para ativação por Chave, é apenas por conta, o que os malandros fazem é simplesmente ter um CNPJ e pegar uma versão do Office 2016 para Volume Licence, o Office oferecido apenas a empresas sempre é dado como Office Professional Plus 2013/2016/Office Pro Plus, tudo a mesma coisa.

O que é o Volume License?

Imagine que você tem um escritório com 3000 PC’s e todos eles ao menos precisam de 5 softwares do Office, ao invés de pagar várias assinaturas, dona Micro$oft dá a oportunidade para a empresa abrir um contrato com ela, este contrato tem vários níveis e preços. Vai da exigência de cada empresa, e com apenas 1 chave de ativação eles conseguem ativar todos os computadores com Office de uma única vez, usando um recurso do Windows Server chamado de KMS (Key Management Service), esses tipos de chave não conseguem fazer muita sacanagem de vender de forma não autorizada.

Mas temos as chaves MAK que possuem um número pré-determinado de ativações, e aonde o administrador tem que ir pessoalmente na máquina e ativar 1 a 1, caso sejam poucos PC’s.

É então que aparece cara safado e sem vergonha pega CNPJ, abre o contrato e começa a vender chaves originais NÃO autorizadas. Muitas vezes um cara desonesto do TI, com acesso a estas chaves, acaba vendendo no Mercado Cinza essas chaves que vencem a cada 6 meses, como uma espécie de DRM, mas aí a pessoa que vende já pulou fora, acabou qualquer tipo de “garantia” (o que não tem mesmo).

Acontece as vezes de nem vencerem em 6 meses, mas quando você for fazer uma atualização ou haja uma checagem da autenticação destas chaves, o martelo do BAN vai correr solto, você vai se ver aonde realmente se meteu.

Não seja mais uma Estrelhinha Azul, se você está precisando comprar, vá atrás de quem realmente vende, a própria Microsoft possui venda via download, Kabum, BraSoftware, Americanas, Extra. São locais conhecidos e não vai dar esta novela.

Se no final para você nada disto compensa, vá atrás de soluções gratuitas como o Open Office, que não deixa a desejar, a não ser que você seja aquele maluco do excel, que faz 10 mil linhas por dia, macros, VB, e muito mais coisas, esse não tem escapatória.

Dreamspark/Imagine

Para finalizar, existem ainda as versões que são disponíveis para Faculdades e cursos dos quais aderiram ao Imagine (antigo Dreamspark), a instituição paga a Microsoft e disponibiliza sem custo algum aos alunos esse pacote do Office, também há para Windows e outras aplicações pagas, no caso do Office é disponibilizado a versão empresarial já citada que é a Office Professional Plus 2013/2016/Office Pro Plus, a diferença é que ao final do curso, a instituição pode revogar as licenças (nunca as faz, só vi um caso em 2 anos prestando serviços a M$), e você ficar sem acesso ou com acesso parcial ao software.

Fiz este artigo depois de ver amigos comprando e compartilhando lojas que fazem essa sacanagem. Não acho justo, se a pessoa está precisando, que pague pelo correto, com suporte dedicado que tem, suporte pré e pós-venda e sempre que for necessário, haverá um engenheiro de software a sua disposição (no caso do Volume License, dependendo do tipo de contrato feito e como foi feito).

Espero que tenham entendido, duvidas podem perguntar e qualquer coisa estou disponível no Telegram do NewsInside, aqui ao lado direito da pagina (via PC).

Suporte NewsInside

 

 

Ao Vivo
Twitch NewsInside