[PQPVCS] Datel descobre forma de assinar oficialmente eboots para o PSP

img
dez
24

Algumas semanas atrás a Datel anunciou a criação de uma versão compatível com o PSP do seu famoso dispositivo usado para cheats, o Action Replay. Como o PSP não possui portas de desenvolvimento ou coisas do tipo, a única forma do AR funcionar no handheld seria executando como um programa oficial e assinado pela Sony, assinatura essa que ela nunca daria.

Pois bem. Então eis que a Datel consegue assinar o eboot do seu programa. Por SI MESMA.


Para quem quiser testar o AR Demo, o programa pode ser baixado nesse link

O que vemos nesse vídeo é o código do Action Replay sendo executado em um PSP com firmware oficial (6.20). O que não vemos nesse vídeo é que a Datel acabou de conseguir executar código homebrew (o programa dela) em um firmware oficial do PSP.

O que isso significa? Significa que Datel conseguiu quebrar o algorítimo (ou as chaves, ou seja lá o que for) de criptografia oficial do PSP, colocando PERMANENTEMENTE abaixo a proteção do PSP. Qualquer PSP. Qualquer modelo e firmware, incluíndo o PSPgo (que funciona com os mesmos jogos e eboots do PSP normal). Se a Sony atualizar o firmware para bloquear o Action Replay, basta a Datel assinar uma versão nova e lançar para download.

Apesar da excelente notícia, isso não significa muito para nós mortais. De nada adianta ter um eboot não oficial já assinado (o do AR) para análise, já que a engenharia reversa não pode (facilmente) ser feita. No mais, resta aguardar para ver se alguém descobre qual é a carta na manga usada pela Datel para conseguir esse feito e permitir finalmente a execução livre de código em qualquer modelo de PSP, sem dependências de placas-mãe, versões de firmware ou coisas do tipo.

Notícia quentíssima via blog do Wagic.

Suporte NewsInside

Ao Vivo
Twitch NewsInside